Presidente afirmou que o objetivo é coordenar ações dos ministérios voltadas para a proteção e desenvolvimento da região

presidente Jair Bolsonaro anunciou, nessa terça-feira (21), a criação do Conselho da Amazônia. O objetivo, segundo ele, é coordenar as diversas ações, em cada ministério, voltadas para a proteção, defesa e desenvolvimento sustentável da Região. O anúncio foi feito durante a 26ª Reunião do Conselho de Governo,

Em sua conta pessoal nas redes sociais, Bolsonaro disse ainda que presidência do Conselho ficará sob a responsabilidade do vice-presidente Hamilton Mourão.

Twitter PR

Em seu perfil no Twitter, o vice-presidente, general Hamilton Mourão, agradeceu ao presidente Bolsonaro pela nova coordenação. “Agradeço ao presidente @jairbolsonaro a confiança em mim depositada ao incumbir-me da coordenação do Conselho da Amazônia, criado para integrar as ações dos ministérios em prol da proteção, defesa e desenvolvimento sustentável da região. A Selva nos une e a Amazônia nos pertence!”, afirmou.

Durante a reunião, o presidente também determinou a criação de uma Força Nacional Ambiental, à semelhança da Força Nacional de Segurança Pública, voltada à proteção do meio ambiente e da Amazônia.

Ministério do Meio Ambiente

Em entrevista coletiva, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, enfatizou a importância do Pagamento por Serviços Ambientais (PSA ) e ressaltou que o Governo Federal, no final do ano passado, transferiu R$ 430 milhões para os estados, fruto do fundo da recuperação da Lava-Jato e Petrobras. “Recurso esse que os estados deverão usar, obrigatoriamente, por decisão do ministro Alexandre de Moraes, para a preservação da região. É um pacote bastante consistente”, afirmou. Leia mais: Ricardo Salles, durante entrevista coletiva, explicou sobre o funcionamento do Conselho. 

Fonte: https://www.gov.br/planalto/pt-br/acompanhe-o-planalto/noticias/2020/01/bolsonaro-anuncia-a-criacao-do-conselho-da-amazonia