Nessa quinta-feira (13), a Funai recebeu em Brasília lideranças indígenas dos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná representando as etnias Guarani, Guarani Mbya, Ava Guarani, Kaingang e Xokleng. Na audiência, foram tratados assuntos como os processos de demarcação de território, a criação de grupos de trabalho (GT’s) e a política indigenista atual.

Estiveram presentes pela Funai o Diretor de Proteção Territorial da Funai, Alexandre Silveira, e o Coordenador de Orientação aos Estudos Multidisciplinares, Flávio Schardong Gobbi. Todas as demandas foram ouvidas e discutidas, e ao final da reunião o grupo entregou um documento assinado pelos presentes com as principais reivindicações.

LiderancasIndigenasGuaraniMbia-PR-SC-RS Reuniao-Foto MarioVilela-Funai-6

Etnias apresentam demandas à Funai e discutem a política indigenista. Foto: Mário Vilela/Funai

 

De acordo com Alexandre Silveira, é importante esse tipo de atuação indígena no sentido de fazer parte da condução das decisões. “O engajamento é fundamental para construir caminhos que levem em consideração o que pensam os próprios indígenas. A participação pode se dar por meio de representação, audiências, fóruns, assembleias de discussão, entre outros. A Funai está aberta ao diálogo”, comenta Alexandre.

Assessoria de Comunicação/Funai

 

 

Fonte: http://www.funai.gov.br/index.php/comunicacao/noticias/5883-funai-ouve-liderancas-indigenas-do-sul-do-pais