O trabalho de fortalecimento da segurança alimentar nas Terras Indígenas, que a Comissão Pró-Índio do Acre (CPI-Acre) e a Associação do Movimento dos Agentes Agroflorestais Indígenas do Acre (AMAAIAC) desenvolvem com os Agentes Agroflorestais Indígenas e as comunidades, ganhou força neste período de pandemia do coronavírus. Uma dessas ações, que recebem o apoio do Projeto Experiências Indígenas de Gestão Territorial e Ambiental no Acre, apoiado pelo Fundo Amazônia, é a criação de animais domésticos, como a criação de galinhas caipiras. Vamos conhecer esta experiência com o relato do Agente Agroflorestal Indígena (AAFI) Raimundo Ferreira Yube, da Terra Indígena Igarapé do Caucho*

 

 

Fonte: http://cpiacre.org.br/23-podcast-atencao-txai/