A Fundação Nacional do Índio (Funai) informa, com imenso pesar, o falecimento da liderança indígena Wandermiro Yamore, aos 71 anos, no último dia 01, na cidade de Cuiabá (MT).

“Wandermiro foi um exemplo de liderança e de busca por melhores condições de vida para a sua comunidade, tendo atuado incansavelmente para que os indígenas pudessem se desenvolver de forma autônoma. Sua perda é motivo de muita tristeza para todos nós”, comenta o presidente da Funai, Marcelo Xavier.

Conhecido popularmente como Vandu, o líder indígena da aldeia Vale do Papagaio foi seringalista, presidente da Associação Indígena Waymare, vice-presidente da Associação Indígena Halitinã e agente de saneamento básico. Ele atuou ainda pela regularização das Terras Indígenas Formoso, Parecis e Utiariti.

Segundo Sônia Paresi, filha de Wandermiro, a liderança tinha como missão buscar projetos que gerassem emprego e renda para os indígenas viverem com dignidade dentro do próprio território, mesclando conhecimentos tradicionais indígenas com conhecimentos técnico-científicos.

“Meu pai deixa um legado de muita luta, sempre de forma diplomática e usando as leis constitucionais para solucionar problemas”, ressaltou Sônia, destacando também a preocupação de Wandermiro com a educação indígena, sobretudo a formação de jovens em nível técnico e superior.

A Funai lamenta profundamente a perda e manifesta sua solidariedade aos familiares e amigos da liderança. Wandermiro deixa oito filhos, para quem repassou sua cultura e tradições.

Assessoria de Comunicação/Funai

Fonte: https://www.gov.br/funai/pt-br/assuntos/noticias/2021/nota-de-pesar-wandermiro-yamore

Thank you for your upload