Conquista dos indígenas da Aldeia Porteira, a Casa de Cultura será um reforço na valorização e preservação da cultura Xerente.

O Ministério Público Federal (MPF) participou, nesta terça-feira, 19 de abril, da inauguração da Casa de Cultura na terra indígena Xerente Aldeia Porteira, localizada em Tocantínia (TO). A festividade, adiada devido à pandemia de covid-19, marca a retomada dos eventos em territórios indígenas.

Durante a cerimônia de inauguração, ocorreu o batismo da Casa de Cultura, que recebeu o nome de João Sõzé, ancião da aldeia falecido em 2020. O espaço será um local de reuniões, memórias e preservação da cultura local. O procurador da República Álvaro Manzano estava presente na cerimônia e destaca a importância do espaço para o povo Xerente “a construção da Casa de Cultura foi uma importante vitória da comunidade indígena daquela aldeia, uma vez que a Casa foi construída por iniciativa própria da comunidade. É uma marco na preservação da cultura do povo Xerente”.

Além do procurador da República Álvaro Manzano, também estiveram no evento os servidores Márcio Santos e Camylla Montandon, membros da Comissão de Gênero e Raça da Procuradoria da República no Tocantins e outros órgãos parceiros das comunidades tradicionais.

Assessoria de Comunicação Social
Procuradoria da República no Tocantins
(63) 3219-7238/7315 | 99247-8714
prto-ascom@mpf.mp.br | Twitter: @mpf_to
https://saj.mpf.mp.br/

Fonte: http://www.mpf.mp.br/to/sala-de-imprensa/noticias-to/mpf-participa-de-inauguracao-de-casa-de-cultura-em-aldeia-xerente

Thank you for your upload