Nas próximas duas semanas a sede das Nações Unidas em Nova Iorque será palco da vigésima segunda edição do Fórum Permanente sobre Questões Indígenas.

O encontro também marca o início da Década Internacional das Línguas Indígenas, 2022- 2032. 

Este ano, o fórum tem como principais temas de discussão a autonomia, geração de negócios e consentimento prévio dos povos tradicionais sobre decisões que afetam suas comunidades.

Começou nesta segunda-feira (25) o Fórum Permanente sobre Questões Indígenas. O evento segue até 6 de maio na sede das Nações Unidas em Nova Iorque em formato híbrido. Com o tema “Povos indígenas, negócios, autonomia e os princípios de diligência prévia em direitos humanos, incluindo o consentimento livre, prévio e informado”, a vigésima edição do fórum busca aumentar a autonomia destes povos e promover a integração das atividades relacionadas às questões indígenas com o sistema ONU. O encontro também marca o início da Década Internacional das Línguas Indígenas, 2022- 2032

Reunidos no Salão da Assembleia Geral da ONU pela primeira vez em três anos, os representantes indígenas inauguraram esta edição do fórum com uma tradicional cerimônia que celebrou a natureza em sua grande diversidade, exaltando os ventos, trovões, relâmpagos, sol e outras forças vitais que dão propósito e proteção à humanidade. Os representantes também fizeram apelos para que seja respeitado seu consentimento livre, prévio e informado sobre as decisões cruciais que envolvem o destino de suas comunidades. Eles também frisaram que o crescimento explosivo das operações extrativistas em todo o mundo geralmente ocorre em terras indígenas sem seu consentimento, causando danos irreparáveis a seus meios de subsistência, culturas, idiomas e vidas.

O presidente da Assembleia Geral da ONU, Abdulla Shahid, também participou do primeiro dia do fórum aproveitando a ocasião para dizer que por gerações, as comunidades indígenas desenvolveram um relacionamento de parentesco com a natureza.“Ao imitar o exemplo deles em uma escala mais ampla, podemos preservar a rica biodiversidade da Terra e as diversas paisagens”, discursou. Shahid também destacou que os povos indígenas representam menos de 5% da população global, mas protegem 80% da biodiversidade global.

O fórum está sendo transmitido na íntegra pela UN Web TV.

Povos Indígenas reúnem-se na sede da ONU para fórum sobre autonomia

Entidades da ONU envolvidas nesta atividade

ONUOrganização das Nações Unidas

Objetivos que apoiamos através desta iniciativa

sdg-10sdg-16

Nações Unidas Brasil

Fonte: https://brasil.un.org/pt-br/179256-povos-indigenas-reunem-se-na-sede-da-onu-para-forum-sobre-autonomia

Thank you for your upload