A Fundação Nacional do Índio (Funai) promoveu a primeira reunião técnica sobre produção sustentável nas Terras Indígenas da Região Sul que trabalham com lavouras mecanizadas de grãos. Representantes da Diretoria de Promoção ao Desenvolvimento Sustentável (DPDS) da fundação, em parceria com as Coordenações Regionais Interior Sul, Passo Fundo e Guarapuava, fizeram visitas técnicas às Terras Indígenas Nonoai (RS) e Toldo Chimbangue (SC), além de seminários e oficinas sobre o tema em Chapecó (SC).

A ações ocorreram entre os dias 11 e 14 de abril. Duas oficinas temáticas foram realizadas, abordando as culturas e a diversificação produtiva, gerando diretrizes que serão disponibilizadas futuramente às regionais e às comunidades indígenas para a elaboração de seus planos de transição e etnodesenvolvimento. O objetivo é promover a autonomia e a sustentabilidade de suas atividades produtivas.

Diversos assuntos relacionados à realidade das Terras Indígenas da região foram debatidos nas oficinas, como o aporte de novas tecnologias de produção sustentável, organização cooperativa, capacitação, crédito, diversificação produtiva e a extensão rural desempenhada pela Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (EPAGRI/SC), entre outros temas.

O indígena Genilson Kezomae, da etnia Haliti-Paresi do Mato Grosso, foi convidado para palestrar no encontro e ressaltou que a união dos Kaingang, com apoio da Funai, Ministério Público Federal (MPF), municípios, estados e demais instituições, é um fator importante para romper com modelos antigos. “Só assim é possível perpetuar as mudanças positivas que são tão necessárias. Os Paresi podem contribuir com suas referências práticas, para mostrar que muitas coisas são possíveis com a iniciativa e união da comunidade Kaingang”, afirmou Kezomae.

Participaram das atividades, lideranças e agricultores indígenas das Terras Indígenas Nonoai, Serrinha, Toldo Chimbangue, Palmas, Mangueirinha, Ivaí e Rio das Cobras. Além de indígenas e técnicos da Funai, também marcaram presença no evento diversas instituições parceiras, tais como: Instituto Moara (DF), Cooperativa Agropecuária do Povo Indígena Haliti-Paresi (Coopiparesi), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Santa Catarina (Senar/SC), EPAGRI/SC, Cooperativa de Agricultores Familiares de Entre Rios (Coafer), Cooperativa de Crédito Solidário (Cresol), Federação de Agricultura e Pecuária de Santa Catarina (Faesc) e Prefeituras Municipais de Chapecó (SC) e de Entre Rios (RS).

Assessoria de Comunicação/FunaiCategoriaAgricultura e PecuáriaTags: SustentabilidadeProdução AgrícolaLavouras MecanizadasDiversificação Produtiva

Fonte: https://www.gov.br/funai/pt-br/assuntos/noticias/2022/funai-realiza-reuniao-sobre-producao-sustentavel-em-terras-indigenas-da-regiao-sul

Thank you for your upload